Cineastas: Christopher Nolan

Christopher Johnathan James Nolan nasceu em Londres, Inglaterra, em 30 de julho de 1970. Estudou Literatura Inglesa na University College of London. Nesta época, fazia filmes em 16mm em parcerias com amigos. Realizou alguns curtas nesse formato, incluindo Doodlebug, em 1997.


O irmão Jonathan Nolan é seu parceiro recorrente na criação de roteiros para seus filmes. Desde 1997, é casado com Emma Thomas, com quem tem três filhos.

Embora autor de filmes com visual extremamente elogiado, Nolan é daltônico, não enxergando as cores verde e vermelho.

É fã de James Bond, da banda Radiohead e de todo o trabalho de Stanley Kubrick. Entre os seus filmes favoritos ele destaca 2001- Uma Odisséia no Espaço, Blade Runner - O Caçador de Andróides, Chinatown e Lawrence da Arábia.

FILMOGRAFIA

Amnésia (Memento) - 2000
Na sua estréia como diretor de longa-metragens, Nolan criou um filme que surpreende pela originalidade na montagem - que é realizada de maneira inovadora, contando a história de trás para frente. Apesar da premissa simples de um homem que tem perda total da memória recente que precisa descobrir quem realmente é, o roteiro envolve pela capacidade de nos surpreender, repleto de cenas antológicas e com uma atuação impecável de Guy Pearce.


Insônia (Insomnia) - 2002
Não bastasse sua estréia triunfal, Nolan ainda consegue neste filme dar um novo rumo a carreira de Al Pacino e Robin Williams. No suspense em clima Noir, o diretor conta a história de um policial pouco ortodoxo que vai para o Alasca resolver um caso de pedofilia seguida de assassinato. Sofrendo de insônia por conta da falta do anoitecer na região, ele acaba se envolvendo em um jogo psicológico com o assassino e enfrenta seus próprios fantasmas. Apesar de ser seu filme menos famoso, apresenta um roteiro que foge de clichês e uma excelente direção de fotografia.


Batman Begins - 2005
Depois de dois trabalhos autorais, fomos surpreendidos pelo anúncio de Christopher Nolan como o diretor responsável pelo retorno do Cavaleiro das Trevas aos cinemas, depois do carnaval mal sucedido de Joel Schumacher que quase jogou o herói no limbo cinematográfico. Cheio de ação, violento e com uma trama que fazia jus ao personagem, Nolan conseguiu transformar o filme na melhor adaptação de um herói de quadrinhos da história do cinema. Até aqui.


O Grande Truque (The Prestige) - 2006
Um ano depois de reerguer a cinessérie do Batman, Nolan jogou Hugh Jackman contra Christian Bale em uma trama complexa que flerta com o sobrenatural, sobre dois mágicos cuja rivalidade atinge limites inesperados e violentos. Contanto com um roteiro ágil e inteligente e primoroso em toda sua parte técnica, O Grande Truque se tornou o melhor filme da carreira do cineasta. Mas a apoteose ainda estava por vir...


Batman - O Cavaleiro das Trevas (The Dark Knight) - 2008
Irritando os fãs xiitas por utilizar o nome da obra clássica do personagem sem utilizar a trama da mesma e por escalar Heath Ledger para o papel do Coringa, Nolan calou a boca de todos ao apresentar um filme perfeito em todos os sentidos. De seu início bombástico ao clímax surpreendente, desfilam pela tela algumas das frases mais impressionantes do cinema atual, que caíram na boca do povo e transformaram o filme em um fenômeno sem precedentes. De Ledger, Nolan conseguiu uma atuação visceral como Coringa; o ator se perdeu no personagem de tal forma, a ponto de não sabermos onde terminava um e começava o outro. A morte trágica do ator pode ter servido indiretamente para uma promoção nada agradável do filme, mas The Dark Knight provou-se muito maior. Um filme difícil de esquecer e, mais ainda, de superar.


O FUTURO...

O novo filme de Nolan, "Inception" (ou A Origem, como se chamará no Brasil) estréia em 2010 envolvido em mistério. Da trama, sabe-se que explorará os domínios da mente humana. Leonardo DiCaprio e Michael Caine (que já trabalhou com o diretor nos dois Batman e em O Grande Truque) estão no elenco.

Ainda não há uma definição, mas Nolan e o irmão já estariam trabalhando no roteiro do próximo Batman. Rumores incluem a presença do Coringa no filme como uma ameaça psicológica de dentro do Asilo Arkham (não se sabe como o personagem seria explorado, haja vista a morte de Heath Ledger), e o Charada como a nova ameaça a paz de Gothan.

Nolan também teria sido sondado pela Warner para atuar como produtor no novo filme do Superman.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crítica: Logan

Crítica: A Cabana

Crítica: A Bela e a Fera