Canções Inesquecíveis

O cinema, desde o seu início, causou encanto por apresentar uma visão de realidade que antes só poderia ser recriada por gravuras ou fotografias. Mais adiante, com o avento do cinema sonoro, poderíamos acompanhar imagem e sons em sintonia. Conhecendo o cinema como conhecemos hoje, fica difícil imaginar um filme sem um acompanhamento sonoro, seja ele orquestrado, ou totalmente musical.

Os maestros do cinema, como John Williams, Howard Shore, Danny Elfman, Alan Menken, Michael Giacchino, entre outros, não deixam a dever nada aos grandes mestres clássicos, como Mozart ou Beethoven. Pelo contrário. Criaram obras musicais eternas.

Abaixo separei aquelas que considero as mais belas canções já produzidas para o cinema.

10. A Whole New World (Aladdin)

A bordo do tapete mágico, Jasmine conhece o mundo que sua vida de princesa não a havia proporcionado conhecer. E com a música maravilhosa de Alan Menken, o mundo viajou e se emocionou junto com ela.


09. Define Dancing (Wall-e)

A dança no espaço dos robôs Wall-e e Eva neste maravilhoso filme da Pixar é dificil de esquecer. Thomas Newman criou um tema musical brilhante e repleto de sutileza e romance. Pura poesia como só o cinema é capaz de oferecer.


08. The Godfather Main Theme (O Poderoso Chefão)

Para acompanhar a impressionante saga da família de Gangsters, Francis Ford Coppola precisava de uma partitura a altura. Nino Rota compôs de forma arrebatadora e transformou o tema da família Corleone num clássico reconhecido em todo o mundo.


07. Aquarius (Hair)

Seria covardia deixar de fora o gênero mais representativo da musicalidade dentro do cinema, os musicais. Hair já começa estratosférico graças a interpretação fantástica desta bela música por todo o seu elenco.


06. Colors of the Wind (Pocahontas)

A Disney conseguiu na década de 90 produzir diversos filmes inesquecíveis. Apesar de não estar no topo desta lista, Pocahontas merece seu destaque por apresentar uma das melhores trilhas sonoras de toda a história do estúdio. A canção em que a índia apresenta seu mundo ao jovem aventureiro John Smith é um dos pontos altos do filme. Emocionante.


05. Falling Slowly (Apenas uma vez)

O cinema independente produziu uma pequena pérola na Irlanda. Em Apenas uma vez, Glen Hansard e Marketa Iglova contruíram uma trilha sonora tão marcante que fica difícil assistir ao filme sem se emocionar inúmeras vezes. Em uma loja de instrumentos musicais, a dupla começa a se apaixonar quando cantam juntos esta que foi a canção escolhida por mim para homenagear. Mas todas as outras merecem.


04. Journey to the Island (Jurassic Park)

Steven Spielberg e o grande John Williams são colaboradores freqüentes. Esta parceria já gerou centenas de temas reconhecidos pelo público. Em Parque dos Dinossauros, o maestro transportou para sua música todo o fascínio pelas criaturas desenvolvidas pelos computadores de Spielberg, e que mudaram a forma como víamos efeitos visuais no cinema. Os acordes da chegada a ilha são fenomenais, e o ponto alto deste clássico indiscutível.


03. Singing´in the rain (Cantando na chuva)

A música e a interpretação de Gene Kelly são eternas e não precisam de apresentação.


02. Tara´s Theme (E o vento levou)

O maior filme da história também possui uma das trilhas sonoras mais aclamadas da história. O tema principal do filme acompanha a protagonista Scarlett O´Hara do início ao fim de sua epopéia, ressoando altivo e impactante, mesmo passados mais de 70 anos.


01. Lara´s Theme (Doutor Jivago)

O épico não poderia ficar sem a medalha de ouro. Emocionante tanto na melodia quanto na interpretação, o Tema de Lara é uma canção eterna, que torna a experiência de assistir a Doutor Jivago grandiosa e não menos que espetacular.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crítica: A Cabana

Crítica: Logan

Crítica: A Bela e a Fera