Melhores filmes de 2009

10. Se beber, não case
Dá gosto assistir um filme que consegue realizar a máxima a que se propõe: entreter e divertir. Com seu roteiro bem bolado, este filme foi uma injeção de criatividade no combalido gênero de comédia Hollywoodiano, e provou que com um bom time de atores e uma boa história é perfeitamente possível fazer rir sem recorrer a escatologia.

09. Watchmen, o filme
Zach Snyder transformou a Graphic Novel premiada em um grande filme. Watchmen é tudo que se pode esperar de uma adaptação de quadrinhos adulta: denso, violento e com extremo apuro visual. Alguns atores simplesmente desaparecem em seus personagens, com destaque para Jack Earle Haley, que humaniza de forma impressionante o problemático Horschach; e Jeffrey Dean Morgan, que rouba a cena em cada aparição do Comediante.

08. Deixa ela entrar
Totalmente paralelo a febre "Crepúsculo", este drama sueco sobre o relacionamento de um jovem problemático e uma vampira é simplesmente espetacular. Visceral, tenso e... assustador de verdade! Tudo o que se espera de um filme de vampiros.

07. O Leitor
Antes de qualquer coisa, o filme que deu o Oscar a Kate Winslet. E já estava mais do que na hora! Stephen Daldry já havia provado com "As Horas" que seu forte são as personagens femininas, e não faz por menos neste filme, que retrata com extrema competência a que ponto pode chegar a fragilidade da mente humana, quando exposta a situações de pressão. Fantástico.

06. Dúvida
2009 foi um ano de grandes filmes originados de peças teatrais de sucesso. "Dúvida" foi um deles. E além de dever muito de seu êxito a qualidade do texto original, também é favorecido pelo trabalho fenomenal dos protagonistas; Maryl Streep e Phyllip Seymour Hoffman entregam perfomances arrebatadoras, assim como Amy Adams e Viola Davis.

05. Distrito 9
Um dos mais inovadores filmes dos últimos anos. Original e vibrante, esta ficção científica de baixo orçamento venceu todos os tabus possíveis até se tornar um grande sucesso de público e crítica: não tinha grandes astros, seu diretor era até então um ilustre desconhecido e ainda por cima era ambientada (pasmem!) na Africa do Sul. Uma alegoria fantástica do Apartheid. Imperdível.

04. Foi Apenas um Sonho
Sam Mendes sabe como ninguém colocar por terra o "sonho americano". Neste filme incrível, o diretor alfineta novamente a sociedade estadunidense, numa trama que fala de temas tão complexos quanto os tratados em "Beleza Americana", o mais premiado filme do cineasta. Para completar, Kate Winslet e Leonardo Di Caprio entregam atuações memoráveis.

03. Bastardos Inglórios
Quentin Tarantino foge um pouco da cultura pop neste filme. Verdade. Ao realizar este épico passado durante a Segunda Guerra Mundial, o diretor comprova mais uma vez porque é um dos mais geniais diretores da atualidade, entregando um filme conciso e que foge da obviedade recorrente em filmes que tratam do mesmo tema. Mas os grandes diálogos - marca mais do que típica do diretor - estão lá. E são espetaculares.

02. Up - altas aventuras
A Pixar conseguiu de novo! Esta fantástica produtora simplesmente não sabe fazer um filme menos que genial. Contando a história de redenção do septuagenário Carl Fredericksen (sim: o protagonista desta animação é um idoso de 78 anos - algo totalmente inusitado no gênero), o roteiro primoroso emociona do início ao fim. Uma verdadeira lição de como dar valor as pequenas coisas, e de como viver a vida sempre como uma grande aventura.

01. Frost/Nixon
Este embate histórico virou uma premiada peça teatral, e foi trasportado para o cinema de forma espantosa pelo diretor Ron Howard. Dramas políticos geralmente geram filmes monótonos, no entanto a montagem extremamente competente aliada a inventivos jogos de camera, além da performance magestral dos atores - que conheciam muito bem o material, pois também haviam atuado na peça original -, fazem de Frost/Nixon uma experiência cinematográfica não menos que arrebatadora.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crítica: Logan

Crítica: A Cabana

Crítica: A Bela e a Fera